São Bento


Abade vem de “Abbá”,...

que significa pai, e isto o santo de hoje bem soube ser do monaquismo ocidental. São Bento nasceu em Núrcia, próximo de Roma, em 480, numa nobre família que o enviou para estudar na Cidade Eterna, no período de decadência do Império.


Diante da decadência...



...também moral e espiritual

Santa Gemma Galgani (1878-1903) o jovem Bento abandonou todos os projetos humanos para se retirar nas montanhas da Úmbria, onde dedicou-se à vida de oração, meditação e aos diversos exercícios para a santidade. Depois de três anos numa retirada gruta, passou a atrair outros que se tornaram discípulos de Cristo pelos passos traçados por ele, que buscou nas Regras de São Pacômio e de São Basílio uma maneira ocidental e romana de vida monástica. Foi assim que nasceu o famoso mosteiro de Monte Cassino.

A Regra Beneditina...

devido a sua eficácia de inspiração que formava cristãos santos por meio do seguimento dos ensinamentos de Jesus e da prática dos Mandamentos e conselhos evangélicos, logo encantou e dominou a Europa, principalmente com a máxima “Ora et labora”. Para São Bento a vida comunitária facilitaria a vivência da Regra, pois dela depende o total equilíbrio psicológico; desta maneira os inúmeros mosteiros, que enriqueceram o Cristianismo no Ocidente, tornaram-se faróis de evangelização, ciência, escolas de agricultura, entre outras, isso até mesmo depois de São Bento ter entrado no céu com 67 anos.

Oração de São Bento

Ó Padre São Bento, ajuda dos que a ti recorrem, aceitai-me sob a Tua Proteção, defendei-me dos perigos que assaltam a minha vida, obtém-me a graça do arrependimento sincero e de uma conversão verdadeira, para que possa reparar os pecados cometidos e glorificar a Deus todos os dias da minha vida. Tu que conformaste o teu coração à vontade do Senhor, recorda-te de mim junto do Altíssimo, para que, dando-me o perdão de todas as minhas faltas, Ele me faça forte na prática do bem, não permita que jamais d’Ele me separe, receba-me nos coros dos eleitos e, juntamente contigo, associe-me às fileiras dos santos que, atrás de ti, entraram na Beatitude Celeste.

Deus Onipotente e Eterno,

Deus Onipotente e Eterno, pelos méritos e exemplo de São Bento, de Sua Irmã Santa Escolástica e de todos os Santos Monges que estão no Céu renovai em mim o Vosso Espírito Santo, dai-me força no combate contra as seduções do maligno, paciência nas tribulações da vida, prudência nos perigos. Dia 11 de julho, a Igreja comemora o Dia de São Bento. Padre Bruno partilha um pouco sobre a história desse grande santo e convida você a fazer com ele a oração de entrega a São Bento. Confira!

Oração de entrega a São Bento

Ó Padre São Bento, ajuda dos que a ti recorrem, aceitai-me sob a Tua Proteção, defendei-me dos perigos que assaltam a minha vida, obtém-me a graça do arrependimento sincero e de uma conversão verdadeira, para que possa reparar os pecados cometidos e glorificar a Deus todos os dias da minha vida. Tu que conformaste o teu coração à vontade do Senhor, recorda-te de mim junto do Altíssimo, para que, dando-me o perdão de todas as minhas faltas, Ele me faça forte na prática do bem, não permita que jamais d’Ele me separe, receba-me nos coros dos eleitos e, juntamente contigo, associe-me às fileiras dos santos que, atrás de ti, entraram na Beatitude Celeste. Deus Onipotente e Eterno, pelos méritos e exemplo de São Bento, de Sua Irmã Santa Escolástica e de todos os Santos Monges que estão no Céu renovai em mim o Vosso Espírito Santo, dai-me força no combate contra as seduções do maligno, paciência nas tribulações da vida, prudência nos perigos. Aumentai em mim o amor à caridade, o ardor na obediência e uma fidelidade humana na prática da vida cristã. Confrontado pelo Vosso auxílio e pela caridade de todos, possa eu vos servir com alegria e chegar vitorioso à Pátria Celeste, morada de todos os Santos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.